|

História do seguro

O homem sempre esteve preocupado com a estabilidade de sua existência.

Por sofrer as conseqüências das variações climáticas e dos perigos da vida, desde a antiguidade procurava se organizar em grupos para ter mais força e garantir o sustento e a segurança. Com o tempo, a evolução das atividades comerciais mostrou a necessidade de proteção também contra os prejuízos financeiros.

E foi dessa forma, justamente buscando garantir as finanças e diminuir a insegurança nas atividades cotidianas, que surgiu o seguro. O seguro nasceu da necessidade do homem em controlar o risco. Existem indícios que já na Babilônia, 23 séculos antes de cristo,caravanas de cameleiros que cruzavam o deserto mutualizavam entre si os prejuízos com morte de animais. Na China antiga e no Império Romano também havia seguros rudimentares, através de associações que visavam ressarcir membros que tivessem algum tipo de prejuízo.

Os comerciantes chineses que se aventuravam a transportar as suas mercadorias instalando-as em débeis embarcações que desciam pelas correntezas dos grandes rios continentais e que, para evitar a ruína de alguns deles, distribuíam-nas de modo a que cada barco contivesse uma parte de cada comerciante, estavam aplicando o principio básico do seguro. Se uma embarcação naufragava, a perda correspondia a uma pequena parte dos bens de cada um. O mesmo se pode dizer dos comerciantes árabes, que para cruzar os desertos e lugares inóspitos distribuíam os seus bens entre várias caravanas e, dentro da mesma caravana, entre diversos camelos. LARRAMENDI (1997, p. 2)

Com o Renascimento e a expansão marítima da época Mercantilismo a cobertura aos riscos ganhou nova importância. Tornaram-se comuns operações chamadas de Contrato de Dinheiro e Risco Marítimo que consistia num empréstimo dado a um navegador, e que previa uma cobrança maior no caso de sucesso da viagem e o perdão da dívida se a embarcação e a carga fossem perdidas. Foi em virtude dos seguros marítimos que se desenvolveu a gestão de risco na maior parte do mundo.

Essas formas pitorescas foram de extrema importância para garantir a segurança das mercadorias que circulavam por vias terrestres e marítimas. Nessa época o seguro ainda inspirava dúvidas com relação à integridade das “seguradoras” – que na verdade eram pessoas que assumiam os riscos.

Mas, o seguro foi criando força e conquistando credibilidade, e foi em Gênova, por volta de 1347, que o primeiro contrato de seguros foi escrito. Nele continha inúmeras cláusulas que garantiam ou isentavam os seguradores de pagarem as indenizações. As primeiras apólices são datadas de 11/07/1385 (Pisa/ Itália) e 10/07/1397 (Florença/ Itália). As apólices tornavam-se comuns no final do século XIV.

No século XVII, o mercado securitário se expandiu e ganhou novos produtos de cobertura terrestre, especialmente em decorrência doGrande Incêndio de Londres de 1666, que destruiu cerca de 25% da cidade.

Com a Revolução Industrial, o seguro acabou se tornando um item praticamente obrigatório em todas as áreas da atividade humana, afinal, os avanços tecnológicos, as atividades de alto risco e os novos meios de transportes podem causar prejuízos de proporções incalculáveis.

Todo esse crescimento da indústria, do comércio e dos meios de transporte, fez com que as empresas seguradoras também evoluíssem para acompanhar a demanda do mercado. Hoje existem seguradoras que controlam vultosos valores, contribuindo com a sociedade, na geração de empregos e com projetos de responsabilidade social.

LARRAMENDI, I.H. de; PARDO, J.A. e CASTELO, J. Manual Básico de Seguros. Brasil: FUNENSEG, Gráfica Vitória Ltda, 1997.189p

Gurcas do Brasil Seguros

(11)    3495-1491

(11) 9 9808-0000

(11) 9 8472-7378

 

GHTime Code(s): nc nc nc nc nc nc nc nc 
Related Posts with Thumbnails

Short URL: http://www.e11.com.br/?p=26417

1 Comment for “História do seguro”

  1. EDUARDO ELIAS RODRIGUES

    o site, e 11 é um universo de oportunidades para todas as classes sociais,

    através do e 11, abre – se centenas de chances de negocios, cursos,vagas de emprego, estágio,concursos público,cultura,esportes, é certo que no (e 11) você vai
    encontrar tudo que precisa, então porque perder o seu precioso tempo com outros sites. EDU RODRIGUES

Deixe um Comentário



Image and video hosting by TinyPic



Comentários Recentes:

  • luciana geraldo: gostaria de ser uma revendedora pois seus produtos sao muitos bom me liga (19)991841216
  • EDUARDO ELIAS RODRIGUES: o site, e 11 é um universo de oportunidades para todas as classes sociais, através do e 11, abre – se...
  • marco antonio: Favor informar o endereço ,quero conhecer sua fábrica.PARABÉNS. Sou incentivador do empreendedor que ganha seu dinheiro...
  • ubirajara c s: e devastador,perde-se muitas oportunidades na vida se na tratar a doença..
  • Deise Dias: Quanto a grade curricular, quais as disciplinas obrigatórias e quais as mais favoráveis? Moro em João Pessoa-PB e aqui temos...
  • camila godinho: gostaria de ser revendedora …estou no sul de minas …..me liguem 035 32320396 ….estava na praça da minha...
  • camila godinho: gostaria de ser revendedora …estou no sul de minas …..me liguem 035 32320396
  • andressa: oi eu queria saber como faço pra ser uma revendedora dos cosmeticos ph6? gostei muito dos produtos e queria revender para...